As Máscaras de Pessoa

Encontro com heterónimos de Fernando Pessoa

Consulte em baixo a descrição dos vídeos que integram este projeto

Ao subscrever a assinatura para os seus alunos (mínimo 20), o professor e cada aluno terão acesso aos vídeos descritos em baixo.

Para perceber a abordagem deste projeto oferecemos-lhe gratuitamente o vídeo “Padre Bartolomeu – O Voador”, de Memorial do Convento.

Assistir a vídeo gratuitoseguir para bilheteira

Alberto Caeiro

O NATURALISTA

Nasci para dar voz à captação imediata e direta da realidade, uma flor é uma flor, uma pedra, uma pedra. Sou o que os meus olhos vêm e o meu corpo sente.

Álvaro de Campos

O FUTURISTA

Eu sou o Pessoa solto, veloz e moderno, futurista, entusiasmado e ao mesmo tempo céptico, descrente de todas as ideologias, todas as religiões.

Ricardo Reis

O CLÁSSICO

Para mim a realidade é a ordem, a simetria, um céu roxo e clássico, um verso lírico, um pensamento estóico, uma vida frugal e espartana.

Bernardo Soares

O CÉPTICO

Eu sou o céptico, o niilista, a quem custa viver, como se viver não fosse uma exaltação nem um tormento, apenas um cansaço: pesa-me um cansaço terrível da vida.

Miguel Real

SOBRE FERNANDO PESSOA

HETERONÍMIA

Miguel Real refere-se à obra de Pessoa, à construção da sua heteronímia, sendo o desdobramento da unidade e identidade do autor em vários heterónimos com personalidade e vida própria, os quais, mais do que uma obra literária, são uma literatura por inteiro.

Miguel Real

SOBRE FERNANDO PESSOA

BERNARDO SOARES E MENSAGEM

“Amo, pelas tardes demoradas de verão, o sossego da cidade baixa, e sobretudo aquele sossego que o contraste acentua na parte que o dia mergulha em mais bulício. /…/ gozo de sentir-me coevo de Cesário Verde, e tenho em mim, não outros versos como os dele, mas a substância igual à dos versos que foram dele.” 

Mensagem: história de Portugal em Mito.

Disponível a partir de 1 de outubro - desconto para subscrições antes da estreia

Day(s)

:

Hour(s)

:

Minute(s)

:

Second(s)

Assista ao vídeo gratuito de Memorial do Convento

Assim perceberá a abordagem do projeto Virtual ÉTER!

Padre Bartolomeu

O VOADOR

P. Bartolomeu fala das suas experiências na corte d’el-rei D. João V com balões e ar quente, e da máquina voadora que está a construir em segredo com a ajuda de Blimunda e Baltasar, dos materiais necessários e do mais importante de tudo – o éter (as vontades humanas).

error: Content is protected !!